As mães causam o maior desperdício de dinheiro das festas infantis. Veja aqui como evitar esse erro nas festas infantis da sua familia e faça mais com menos.

O desperdício de dinheiro das festas infantis é um assunto que interessa a maioria das mães. Principalmente nessa crise.  Eu, mais do que ninguém, entendo que toda mãe quer fazer uma festa fabulosa para seu filho de aniversário. Ainda mais quando se é mãe de primeira viagem. Eu sei bem disso, já que eu mesmo sou assim. Aliás, a pressão que eu sinto no dia da festa do meu filho é enorme. Não sei porque mas fico nervosa, com medo das pessoas não aparecerem e ele ficar triste. Quero que o dia dele seja inesquecível e fico quase louca tentando.  Para piorar, a cada ano eu quero fazer algo mais legal, mais novo, maior e que ele ame mais.

O problema que essa cobrança é mais da mãe – ou seja, eu – do que do filho. Para ele os amigos eo tempo junto são mais importante do qualquer qualquer coisa. O que aliás,  é algo que tinhamos que  valorizar e incentivar. Pensa…eles não dão valor para as coisas e sim, para os amigos. Quando que perdemos isso ao longo do tempo? Certo está o Thomas errada sou eu.

O maior gasto

Mas voltando ao assunto, eu nessa minha busca incessante de fazer a melhor festa me perdi nas lembrancinhas. Me lembro de ir na 25 de Março atrás da lembrancinha mais legal que eu poderia criar. No fim, achei que o Thomas ia gostar de tanta coisa que acabei montando um kit.

Errei demais… Gastei uma grana a desnecessária que não adiantou de nada e não fez diferença alguma. Por isso, pedi para a Myca Gutierrez me ajudar a selecionar as melhores dicas de como montar lembrancinhas de festa infantil. Algo que as crianças amassem e as mães também. Confira o vídeo:

Se vocês quiserem aproveite para se inscrever no canal do Youtube!

Beijos e até a proxima

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

30 Comentários:
  1. Mayara Amorim disse:

    Desperdício foi o tempo que vcs passaram pra escolher esse tema e as bobagens que vcs falaram, como se referir à uma criança como Zé Mané! Que falta de respeito! Ja pensaram que tem mães que FAZEM SIM questão de GASTAR dinheiro com lembrancinhas? Será que vcs não sabem da alegria das crianças ao receber? Pelo amor de Deus! Não usem o canal de vcs pra esse tipo de conteúdo. Foi muito infeliz. Eu como mãe e ARTESÃ me senti profundamente decepcionada cm o vídeo que vi mais cedo.

  2. FRANCISLENE MENDES disse:

    Inútil essa matéria!

  3. SUSIMARA B.TEIXEIRA disse:

    INFELIZ ESSE VIDEO, TALVEZ SE TIVESSE SIDO COLOCADO DE OUTRA FORMA , MAS VCS PERDEREM A CHANCE DE FICAREM CALADAS. NÃO PRECISAVA DESMERECER A CLASSE DE PESSOAS QUE TRABALHAM COM. A PIOR LEMBRANÇA Q EU RECEBI FOI O VIDEO DE VCS .

  4. Karla disse:

    Que chato ! Estão eu vou dar o que???? Doce não pode, brinquedinhos não pode ! Olha a festa é uma momento especial em que a criança sai da rotina mesmo. Muito blá blá. Inútil essa matéria!

  5. Gabi disse:

    Vou fazer a festa do meu segundo filho agora e estou tentando ser o máximo sustentável possível, pq vai muito além do dinheiro, o problema é a quantidade de lixo a mais, sem necessidade. Não farei personalizados e a lembrancinha e centros de mesa serão plantas q podem ser reutilizadas em casa. O buffet também não utiliza utensílios descartáveis. Acho que podemos tentar fazer nossa parte e ajudar a deixar um planeta melhor pra nós e nossos pequenos.😉

  6. Silvana disse:

    Sério?!?!
    Lembrancinha = lembrança do momento
    Pelo amor…..ou seja a função é entreter no “carro” e depois descartar….oi?! . Para!!!
    Desculpa, mas cagaram na matéria!

  7. Mônica disse:

    Sou artesã e vivo do meu trabalho honesto. Antes de trabalhar com personalizados sempre dei valor a quem produz. As lembranças são o destaque da mesa da festa. Valorize o trabalho dos outros. Péssima reportagem. Quem pode fazer faz pq.fica bonito sim. Se não tem $$ p fazer festa, não faz. Melhor que criticar serviço dos outros.

  8. Silvania disse:

    Nossa que mulheres mais chatas! Esnobes….Debocham de mães e pessoas que trabalham no ramo sem dó e piedade, tudo bem de passar um novo conceito em dar ou não lembrancinhas, mas daí fazer pouco caso, será que vocês não tem um pingo de bom senso! E a revista ” Pais e filhos ” não ter um filtro pra ver o que posta e como posta suas dicas …Muito ruim…

  9. Micheline disse:

    Não concordo. Seu ponto de vista se limita as lembrancinhas, porém, baseado na sua teoria, toda a festa seria um desperdício. A comida vai pro lixo em algum momento. Tudo que compõe uma festa é temporário, é apenas para fazer parte de uma lembrança boa. Criar boas memórias nunca é desperdício. O que diferencia é o poder de consumo. Paga quem pode. Quem não pode sim, deve se adequar ao limite de seu orçamento e aí quem sabe não dar lembrancinhas. O importante é comemorar.

  10. Isabela disse:

    Uma material com muita falta de respeito com muitas artesãs e mães também , sabendo que a maioria das mães procuram um trabalho no ramo de festa para ajudar a sustentar a casa , o filho , ajuda a saída de muitas mulheres da depressao !
    Um fonte de renda para MUiTAS mulheres que são mães !!!
    Acredito que cada família faz o que quer na festa , compra o que quiser , desde a comida a lembrancinha , que seja uma festa de 100,00 ou 5,000.
    Cada família sabe o que pode e não pode comprar e para muitas mães a festa é um sonho da família !!!!
    Cuidado com o que vocês escrevem pois se a intenção foi informar as mães acabou desrespeitando mães que são artesãs !!!

    Eu vi o vídeo da material e falou sobre bolinhas de sabão , que a criança quer abrir no carro ,
    Que tipo mãe não fala para o filho UM Não pode abrir no carro ?! Eu hemmm!!
    Espera e abre em casa , seja firme com seu filho na vida , não passe a mão não cabeça dele , não crie uma pessoa mimada e que futuramente não vai saber lidar com um NÃO da vidaaaa!

  11. Patrícia KRANZ disse:

    Parabéns pela péssima reportagem, tem muita gente que vive dessas lembrancinhas.

  12. Diana Nascimento disse:

    Achei a matéria desrespeitosa com tantas artesãs que com seu trabalho colocam o pão na mesa….sou artesã, trabalho com sonhos e tenho o maior respeito por essas mães!

  13. Kamyla disse:

    Todos esperam pelo momento da lembrancinha! Sim concordo em não exagerar mais xerox de foto para colorir? Fala sério! No mínimo você terá que contratar uma pessoa para transformar aquela foto em apenas traçados e ao sim as crianças poderem colorir! Uma lembrancinha e um agrado que você da por ter a presença daquela pessoa na sua festa! Então economizar sim, mais se você não entende do assunto 3 melhor contrata alguém do que fazer uma porcaria

  14. Veronica disse:

    Achei uma falta de respeito essa matéria e muito mal editada… Desrespeito com profissionais que trabalham muito e ganham a vida com qualquer tipo de lembrancinhas… Mais engraçado é convidar uma decoradora pra defender a “inutilidade” das lembrancinhas. Justo ela que faz a dona da festa gastar muuuuuuito dinheiro com decoração, ostentar (às vezes até assustar as crianças menores com o exagero) e no fim da festa leva tudo embora. Cada um sabe de si e a necessidade de lembrancinhas, e se colocar na mesa SÓ as lembrancinhas, muitas vezes a decoração já está feita! Vcs estão defendendo o lado de quem vai à uma festa, não para prestigiar o aniversariante, que é a finalidade. Mas vejo que os convidados que são citados vão somente para comer, não para se divertir, interagir e homenagear o aniversariante. E criança vai às festinhas dos coleguinhas é pra comer, brincar, se divertir, e ainda sair com a bolsinha com o nome do aniversariante (pq é justo que seja assim), cheia de doces e guloseimas pra comer depois. São crianças!!! E da mesma forma que é falado na entrevista com convicção, eu escrevo com propriedade no assunto. Sou mãe de 4 filhos, eu quem faço as festas todos os anos, nunca precisei contratar decoradora, e minhas festas são um sucesso para os convidados, dos adultos às crianças.

  15. Elisângela disse:

    Geralmente dou lembranças úteis. Já dei baldinho de praia, dominó, almofadinha de colorir e esse ano darei lupa,binóculo,bloquinho pois tema ser D.P.A

  16. Patrícia Ibrahim disse:

    Só falou coisa inútil. Lembrança com nome da criança se chama “personalizados ”
    Lembrança sem doce??? Kkkkkk pesquisem antes de fazer um vídeo ou reportagem.

  17. Gianiffer disse:

    Sempre faço festas e sempre encomendo personalizados!

    Acho que vai muito além de papel. Os personalizados fazem parte da minha decoração e são ótimos para dar um charme, além de preencher vários.

    Acredito também que já foi o tempo de ter só doces na mesa… Isso é coisa do passado.

    Quem tem grana, que gaste o dinheiro como no quiser, como eu faço.

    Faço a maior questão dos personalizados e conheço muitas mães que também fazem

  18. Shirley Dantas disse:

    Discordo completamente! Para começar: se não tem dinheiro, não faça festa. Quer fazer uma comemoraçaozinha, faça com que se orgulhe daquilo, mesmo sendo muito simples. A festa é o momento para reunião, conversa, diversão, decoração e docinhos, faz parte do momento. Por isso não fazemos todos os dias, pois requer tempo e investimento! Agora, querer desqualificar de forma geral? Isso é intriga… Soa até como inveja. Se quer fazer, faça… Uma festa linda, gastando 100 0u 10.000,00 reais.

  19. Dhaiana disse:

    Isso é baseado na realidade de vcs, né?! Dão tudo aos filhos a hora que eles querem? Ridículo esse vídeo.

  20. Laila disse:

    Olá…. sabe uma lembrancinha que fiz pro meu filho é que foi legal? Kit cinema pipoca de microondas um suco e um bolinho da bauduco. Ficou muito legal

  21. Renata disse:

    Duas criaturas sem noção, com o intuito de prejudicar os artesãos que vivem de personalizados. Faz isso não, para que tá feio.

  22. Sr Rocha disse:

    Achei desnecessário o vídeo, um assunto que sim, atraem muitas mães porém nem todas as mães tem carro, e o vídeo de vcs é preocupado mais com o carro fique com a felicidade do filho independente do tipo de lembrancinhas ou festas.
    Hoje vivemos em um mundo que somos muito influenciados pela mídia, entendo perfeitamente e cada um com sua opinião pública, tem gente que é mão de vaca mesmo e da qualquer porcaria pro seu convidado que muitas vezes nem compensa o valor do 🎁 que foi levado pro aniversariante. A matéria chama atenção mais o conteúdo não condiz com a realidade.

  23. Gabriela disse:

    Os personalizado dão vida e cara a festa se não tem dinheiro não faz festa faz um café da tarde sem cara nenhuma sem personagens sem nada simples nós empenhamos mto amor carinho e criatividade fora as hora montando colando fitas pedras laços para que tudo fique perfeito e a criançada feliz , só acho desperdício se vc não tem dinheiro pra gastar com isso e faz dívidas desnecessário caso contrário é o que dá uma identidade a festa amo e sempre faço prós meus filhos e vou continuar fazendo enquanto tiver saúde

  24. Isabella Gomes Oliveira Silva disse:

    Uma tristeza uma materia dessa, um pais sem emprego, vocês fazem uma materia, que prejudica milhares de artesas do ramo da papelaria, um tanto quanto imprudente. Decepcionante.

  25. Viviane disse:

    Título desnecessário.
    Tantas mães empreendendo na área de lembrancinhas… Amo lembrancinhas e só faço algo útil

  26. Jessica sousa disse:

    Ridículo essa matéria de vcs, atrapalha quem vive disso, e alem do mais os pais tem que aprender a educar seus convidados ai esse tipo de coisa nao acontece.

  27. Marcela disse:

    Nossa como vocês são chatas!

  28. Grazi disse:

    Eu fiz uma festa de Pequeno Príncipe, dei um livro do Pequeno Príncipe de lembrancinha, acho que foi legal.

  29. Lena disse:

    Ótima dica!!

  30. Alessandra Schumacher disse:

    Meu Deus, rindo muito qd ela diz : uma festa pequena, só os coleguinhas da classe😲😲. Feliz de ter filho fora do Brasil onde 8/10 crianças , um cake fait maison ,água, frutas e siroup( digo q é nosso ksuco de antigamente) já é uma grande festa kkkkk . Ótimas dicas para economizar e investir em férias e passeios ao ar livre.

Posts relacionados

e