Crianças difíceis para comer, são as maiores preocupações de uma mãe. Afinal é da alimentação que vem as vitaminas e toda a energia que seu filho precisa. Então juntamos alguma dicas para ajudar as mães nesse momento.

Uma coisa que causa desespero para qualquer mãe, são crianças difíceis para comer. Além da frustração de fazer uma refeição linda e seu filho não comer nada, tem a preocupação com a sua saúde. Então, seguem 17 dicas que irão ajudar as mães com esse probleminha:

difíceis de comer

1. Foque nos princípios básicos

Balancei as refeições, ofereça variedade e aplique moderação.

2. Não encha o Prato 

Para crianças que são difíceis para comer um prato enorme pode ser um desafio. Se você coloca uma quantidade suficiente para as crianças, porém não exagerada. Quando eles conseguirem comer tudo, a sensação de conquista é ótima. Eles se sentem mais felizes e isso os motiva.

Veja também :Com que Idade as Crianças Podem Começar a Comer Peixe Cru?

3. Encoraje uma dieta balanceada

Eu sei que é mais fácil falar do que fazer, porém tente oferecer uma grande variedade de alimentos. Não caia na tentação de oferecer só o que ele quer ou gosta, por mais difícil que seja. Melhor uma crise de birra do que uma criança mal nutrida.

nene_cobrindo_a_boca

4. Não Desista

Não importa que eles não queiram ou não gostem, sempre ofereça uma fruta e uma verdura em todos os lanches ou refeições.

Pense! Agora é a hora que você vai definir o padrão alimentar do seu filho. O tipo de alimentação que ele aprender hoje, será o dele para o resto da vida. – Bianca Arcangeli

5. Ofereça variedade

Cada alimento, por mais saudável que seja, oferece um grupo de vitaminas e minerais. Portanto, se você só oferece para seu filho a mesma coisa, sem parar, podem faltar outras vitaminas e minerais, necessárias para o seu desenvolvimento.

difíceis de comer

6. Faça com que ele veja ou participe do preparo

Assim, ele entende como as frutas e as verduras são preparadas. Deixe que ele mexa na comida, cheire o perfume dos temperos e mostre como cada alimentos se transforma na refeição dele. Isso vai fazer com que ele se sinta mais envolvido e se anime em comer.

7. Todos os tipos de comida podem fazer parte de uma dieta saudável 

Aqui entra a parte da moderação…

[Looklink – Widget Vitrine #10108 – BEGIN …

Scarpin Grunge Papagalo | Schutz - Schutz
Camisa Dafiti Ontrend Babado Preta - Dafiti Ontrend
Sutiã Com Tule - Giuliana Romanno
Vestido Wrap Cleanse - Amaro
Saia Dafiti Ontrend Folhagem Paetês Dourada - Dafiti Ontrend
Sutiã Tule Renda Guipure Animale - Preto - Animale
Vestido Longo Dafiti Ontrend Tie Dye Azul - Dafiti Ontrend
Vestido Curto Dafiti Ontrend Cut Out Cinza/vermelho - Dafiti Ontrend
Calça Jeans Dafiti Ontrend Recorte Azul - Dafiti Ontrend
Macaquinho Curto Trip - Amaro
Vestido Suede T - Amaro
Macaquinho Curto Trip - Amaro
Camisa Dafiti Ontrend Bolso Cinza - Dafiti Ontrend
Blusa Dafiti Ontrend Geométrico Azul Marinho - Dafiti Ontrend
Blusa Dafiti Ontrend Animal Print Bege / Off-White - Dafiti Ontrend
Vestido Curto Dafiti Ontrend Listrado Branco/azul - Dafiti Ontrend

… END]

8. Imponha limites para as calorias vazias 

Calorias vazias consistem em: doces, fast food, salgadinhos e etc… Monte porções na hora que for oferecer esse tipo de comida e não se esqueça, que as crianças são pequenas, então, uma porção de adulto é muito mais do que o limite saudável para eles.

toddler_fazendo_cara_feia_para_tomate

9. Divida os alimentos em três categorias

  • Alimentos que você pode comer o tempo todo
  • Alimentos que pode comer de vez em quando
  • Alimentos que quase nunca se pode comer

10. Não use comida com recompensa

Quando usamos comida como recompensa as crianças focam nesses alimentos. Eles entendem que aquele alimento usado como recompensa é melhor do que os alimentos que eles devem comer, os saudáveis. Por isso, tente não criar esse foco, afinal a maioria das mães não dá brócoli como recompensa.

11. Pense na nutrição do seu filho como um todo

Não se preocupe em suprir seu filho de todas as vitaminas e minerais em TODAS as refeições. Você tem a semana inteira para oferecer tudo. Pensar assim, reduz o stress de cada refeição. Afinal, mesmo que ele não coma a quantidade de proteína necessária dessa vez você sabe que pode compensar depois, por exemplo.

bebe_verduras

12. Sempre ofereça algo familiar

Em toda refeição ou lanche, tente oferecer algo familiar para o seu filho, algo que você sabe que ele goste ou prefira. Ofereça só um alimentos diferente por refeição. Assim, você garante que ele vá comer alguma coisa do prato.

13. Seja Criativa

O Thomas pede espinafre todo dia para mim! Juro! Eu faço panquecas de espinafre… Ele ama e é lotado de vitaminas. Ele pede bolinho… Meu bolinho é de brócolis… Não tem como dizer o quão é importante ser criativa na cozinha. Existem muitas comidas fáceis de fazer, boas e extremamente saudáveis. É só querer!

Veja também nossos vídeos no canal do YouTube! Dicas, receitas para crianças e brincadeiras educativas! 

mae_filha_salada

14. Dê o exemplo

Não adianta você comer macarrão todo dia e querer que seu filho coma salada e verduras. Eles aprendem vendo! Então, se você quer que seu bebê aprenda a comer de forma saudável, coma você também. Um exemplo: eu nunca tinha dado alface para o Thomas, achei que ele não iria comer. Eu como todas as noites. Um belo dia ele me pediu e hoje come todos os dias. Ou seja: se vocês (os pais) forem difíceis para comer, seu filho também será!

Seu filho tende a repedir tudo que ele vê em casa. Nunca se esqueça de ser sempre o melhor que você pode ser para ele! – Bianca Arcangeli

15. Não force seu filho a comer

Não force seu filho a comer nada. Isso não funciona. Ele podem até comer em um primeiro momento, por causa do medo. Mas depois, quando o medo vai embora, eles só terão uma má lembrança associada aquele alimento, um experiência ruim com você e ainda não vão querer comer. Por isso, ajude e seja um suporte, não um inimigo.

nene_cobrindo_a_boca_2

16. Não dê bebidas durante as refeições

Só de sucos ou água no final da refeição, assim eles não ficam de estômago cheio e tendem a comer melhor.

17. De opções

Quando possível, de opções para que seus filhos escolham o que comer. Porém, só dê opções que serão aceitáveis para você. Não ofereça algo que você não quer que ele coma.

É isso mamães espero que essas dicas ajudem vocês com as crianças difíceis para comer no dia a dia.

Beijos  e boa semana a todos.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 Comentários:
  1. Lohane disse:

    Tenho uma filha de 2 anos que acabou de entrar na escola e ela não está aceitando a alimentação que é oferecida , o que faço para ajuda ela a comer a comida da escola ?

    • oi Lohane,

      as crianças quando passam por mudanças como mudança de casa, de escola, de rotina como a sua acabou de passar pode demostrar problemas no sono e na alimentação.
      Insegurança, medo. Você já tentou ver o que ela oferecem na escola e tentar oferecer o mesmo em casa. Assim você vai descobrir se o problema é a comida ou a situação.
      Se for a mudança ela vai ter que criar vínculos com os amiguinhos e com os professores. Assim quando ela se sentir segura a alimentação ocorrerá mais fácil.

      Procure uma amiguinha em particular e faça um sábado de brincadeiras em sua casa. elas farão uma refeição juntas e isso vai ajudar a adaptação. Já que comerão juntas também na escola.
      Beijos em conte se ajudou

  2. Maria de Lourdes souza disse:

    Ola Boa noite tenho uma filha de 2 anos e 8 meses ela não come comida o que faço?
    Por favor já estou desesperada.

Posts relacionados

e