Uma história linda! Mulheres apoiam mãe grávida que senta no chão e começa a chorar.  Seu filho de 18 meses começa a fazer birra e ela perde o controle.

Mulheres apoiam mãe grávida que se desespera no aeroporto. Uma história postada por  Beth Bornstein Dunnington no facebook. Ela participou de um momento inesquecível no aeroporto internacional de Los Angeles. Abaixo o texto que ela escreveu. Tive que traduzir e repostar pois até me arrepiei ao ler. Isso aconteceu no dia 12/02/2018.

Ela escreveu

“Algo extraordinário aconteceu no LAX (aeroporto internacional de Los Angeles) hoje…(estou escrevendo do avião). Eu estava no portão de embarque, esperando meu avião para Portland. Haviam dois outros vôos para cidades diferentes embarcando. Um de cada lada do meu portão de embarque. Então, uma criança pequena que parecia ter em torno de uma ano e meio começou a fazer uma birra enorme, correndo entre as cadeiras, chutando e gritando, deitando no chão e se recusava a entrar no avião (que estava embarcando para Portland).

Sua mãe, que estava claramente grávida e viajando sozinha com seu filho, se desesperou… Ela não conseguia pegar seu filho no colo porque ele estava muito agitado. Ele fugia dela, deitava no chão, começava a chutar e a gritar sem parar. Por fim, a mãe sentou no chão colocou as mãos na cabeça e com seu filho ao seu lado aos berros, começou a chorar.

Nesse momento algo extraordinário aconteceu (choro só de pensar)… as mulheres no terminal, deveriam haver em torno de 6 ou 7, que não se conheciam, se aproximaram e cercaram a mãe e seu filho. Todas ajoelharam e fecham um circulo em volta deles. Então, eu cantei “A aranha subiu pela parede” para o menino… uma mulher tinha uma laranja e a descascou, outra tinha um brinquedo na seu bolsa que emprestou para o menino, outra deu uma garrafa de água para a mãe. Mais alguém ajudou a mãe a pegar o copinho do filho de sua bolsa e dar para ele. Foi lindo, não houve discussão, ninguém se conhecia, mas conseguimos acalmar os dois e ela conseguiu embarcar com seu filho. Só mulheres se aproximaram. 
Depois que eles embarcam cada uma de nós voltou para seus assentos, separados e não falamos sobre o assunto…Nós éramos estranhas, unindo-se para solucionar um problema. Me ocorreu que um circulo de mulheres com uma missão, pode salvar o mundo. Eu nunca vou esquecer esse momento.”

Conclusão

Mulheres apoiam mãe grávida de verdade ! Portanto, elas não julgaram, não falaram mal e não reclamaram. Gente, eu não sei se todo mundo já conhecia essa história, mas eu precisava dividir isso com vocês. Olha só, como podíamos ajudar muito mais umas as outras. Era só a gente se apoiar ao invés de criticar. Como o mundo poderia ser outro.

Por isso peço aqui, e prometo também, que sempre que eu puder vou ajudar uma mãe, uma mulher. peço para que vocês procurem fazer o mesmo. O dia das mães está aí, vamos fazer a diferença! 

Dividam essa história! Vamos espalhar esse ato como exemplo para todas nós!

Beijos e até próxima!

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

e