Eu respondi a dúvida: Eu vou reconhecer o choro do bebê? Em uma bate papo para novas mães e acho que respondi de forma incompleta. Então, veja aqui a resposta completa.

Eu vou reconhecer o choro do bebê? Depois de responder essa pergunta em um bate-papo sobre a rotina do bebê eu não consegui tirá-la da cabeça. Agora, pensando bem, eu respondi a essa pergunta de forma incompleta. A resposta sincera para todas as grávidas e novas mães é: não e sim. Seu filho não tem um choro diferente para fome, outro para a fralda suja e outro para a fome.

Mas isso não quer dizer que você não vai saber o que ele precisa. Você vai saber sim. Mas é por outros motivos e não pelo som do choro. Essa lenda ficou famosa e colocou uma pressão enorme na mãe que como eu não consegue descobrir a necessidade do bebê pelo som.

Essa expectativa só gera frustração e insegurança nas mães. Eu me frustrei com isso quando o Thomas nasceu. Achei que cada choro seria diferente, e quando não conseguia perceber a diferença fiquei decepcionada comigo. Não passem pelo que eu passei, é besteira.

Deixa eu explicar isso melhor…

Quando seu filho chorar você vai saber exatamente o que ele precisa. Mas, isso por que você sabe o que está faltando e não pela diferença no som. Por exemplo: seu bebê mamou, arrotou e está com a fralda trocada, mas está chorando. É cólica. Se faz algum tempo que você trocou a fralda ele precisa de uma nova e assim por diante. Você vai fazer um processo de eliminação na cabeça.

Isso com o tempo fica tão automático, que parece que você já sabe o que seu filho quer só pelo choro. Mas entenda, não é pelo som e sim pelo contexto.

Você está com seu filho a todo momento. Então, você vai saber o que está faltando. Se ele pode estar com fome por que já deu tempo, ou se ele só está incomodado com alguma outra coisa.

Então a lenda de que a mãe reconhece o choro, na minha experiencia não é verdade, o mãe não reconheci o choro, mas ela sabe imediatamente do que seu filho precisa pelo contexto. Ela reconhece pela necessidade.

Inscreva-se já no Canal

E aí? Vocês concordam ?
Deixem seus comentários aqui embaixo sobre o que acharam do post.

Beijos e até a próxima.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *