A vitamina D é a vitamina que ajuda a promover o crescimento e é a única que o leite materno não oferece 100 % da necessidade do bebê.

A vitamina D é a vitamina mais importante para que seu bebê cresça. O problema é que essa a única vitamina que não é encontrada em níveis suficientes no leite materno. O resultado disso é uma deficiência quase que generalizada de vitamina D.

Um conhecimento de senso comum diz que: Bebê que toma leite e fica 15 minutos no sol por dia não tem esse problema correto? Não!

Com a diminuição cada vez maior do tempo das crianças brincando fora de casa – por milhões de motivos – e com o uso do protetor solar indicado para a prevenção do câncer. As crianças e os adultos estão cada vez mais apresentando um deficiência grande de vitamina D.

Por isso resolvi falar com o Dr. Gabriel Striker e entender quais são os riscos, as doses e cuidados que precisamos tomar com os ossos dos nossos filhos. Afinal, uma deficiência de vitamina D e cálcio pode prejudicar e muito as crianças que estão em fase de crescimento.

Para que serve a vitamina D? 

A vitamina D serve para que o intestino e o rim consigam absorver o cálcio o fósforo. Além disso, ela promove a mineralização óssea.

A vitamina D é a vitamina que ajuda a promover o crescimento e é a única que o leite materno não oferece 100 % da necessidade do bebê.

Consequências da falta de Vitamina D 

Se uma crianças não tem a quantidade de vitamina D necessária no seu corpo isso pode resultar em atraso na velocidade do crescimento, baixa estatura e deformidades ósseas chamadas de RAQUITISMO.

O Raquitismo pode ser prevenido através de uma alimentação balanceada e a inclusão diária de 400 a 800 UI de vitamina de para crianças de até 18 meses, associado a exposição solar sem protetor, nos horários adequados e pelo tempo adequado.

Atenção: Sempre consulte seu pediatra antes de oferecer qualquer remedio ou vitamina para seu filho!!!

Existem estudos que vinculam a vitamina D a outras funções essenciais do corpo. Ainda não foram comprovados, mas um baixo nível de vitamina D também pode levar a depressão, vários tipos de câncer, doenças cardíacas e uma ganho de peso maior.

Da onde vem a vitamina D? 

A vitamina D é encontrada no fígado de certos peixes como o atum e o bacalhau. Além disso, ela também está presente na gema do ovo e no leite materno. Porém, nosso próprio corpo pode produzir essa vitamina com um pequeno auxilio dos raios ultravioletas do sol.

Como promover a dose adequada de Vitamina D

O recém nascido a partir do seu 15 dia de vida deve começar a tomar sol. De preferencia pela manhã com uma boa parte do corpo exposta a luz sem projetor. De 10 a 15 minutos já são suficientes para a produção da quantidade de vitamina D necessária. Atenção aqui que o cuidado da mãe em cobrir a criança e em passar o protetor solar está criando a deficiência.

 Os motivos pelo qual hoje temos uma quantidade de produção de vitamina D menor dos que a necessária são:

  • Níveis de poluição
  • Tempo de exposição ao sol reduzido (principalmente nas grandes cidades)
  • Utilização de protetor solar
  • Quanto mais escura a pele, menos Vitamina D ela produz

Bom, é isso mamães, fiquem de olha nos seus pequenos e procurem garantir o mínimo necessário de vitamina D para eles e para você também. Crianças acima de 18 meses também precisam de vitamina D para continuar seu crescimento. Por isso, se seu filho parar de consumir leite e reduzir sua exposição ao sol, pergunte ao seu pediatra se um complemento da vitamina não seria necessário.

Beijos e até a próxima

Inscreva-se já no Canal

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 Comentários:
  1. joana disse:

    Ola bom dia .. A minha bebé vai fazer agora 3 anos e n toma nada .. Será normal?