A tecnologia é inevitável e a internet é algo que cada dia mais nos move e nos conecta ao mundo. Ela está presente na sala de tv, nas escolas e nos escritórios. Por isso, veja aqui algumas dicas de como proteger seu filho na internet.

Proteger seu filho na internet é uma das maiores preocupações das mães hoje. Com razão. Afinal, as ameaças são sem fim: drogas, pedofilia, más influências, assédio, bullying…

Ameaças que já existiam na vida real só em uma escala muito menor, já que nossos filhos não tinham acesso ao mundo em “um estalar de dedos”. Agora com a internet eles tem esse acesso e o perigo pode morar em algo tão inofensivo e útil como o celular do seu filho. E aí? Com esse leque de ameaças tão próximo e na ponta dos dedos, como protegê-los? Seguem as melhores dicas que achei na minha pesquisa:

Veja também: Tecnologia para as crianças: A Nova Visão

Saiba o Quanto se Expor e Expor sua Família

O primeiro passo para tudo a meu ver, é dar o exemplo. Portanto, mostre cuidado e evite expor sua família de forma perigosa on-line. Se você quer que seu filho saiba que existem ameaças na realidade virtual nunca se esqueça disto também. Nem você, nem ele podem criar oportunidades para que pessoas de má índole (seja bullying ou outro tipo de ameaça) use seus posts ou seu uso da internet para torná-los vítimas. Veja aqui 8 situações nas quais você não deve postar fotos dos seus filhos.

 Proteger seu Filho na Internet

Esteja Presente

Quanto mais sozinha uma criança ou adulto é, mas vontade de interagir com outros pela internet ele terá. Afinal é algo que provém companhia e atenção 100% do tempo, dia ou noite. Por isso, seja presente na vida do seu filho. Algo que evitará com que ele busque atenção de pessoas de má índole na realidade virtual ou na real.

Saiba Usar para Ensinar

A internet dá acesso a tudo, é verdade. Mas ao mesmo tempo as redes sociais, buscadores e aplicativos oferecem formas de manter a sua privacidade e de restringir seu acesso a conteúdo inadequado. Você como mãe deve sim se valer dessas ferramentas e ensinar seu filho a usá-las para se proteger, para evitar conteúdo inadequado ou que não lhe agrade. Só não passe a senha do filtro para ele, ok?

Tudo que Você Publicar na Internet JAMAIS Poderá ser Apagado

Essa é a regra de ouro e a maior verdade. NADA QUE VOCÊ PUBLICAR PODERÁ SER APAGADO JAMAIS. Seus filhos e todos da sua família precisam entender isso. Portanto, se você publicar uma foto fofa do seu bebê pelado ou em uma situação vergonhosa, um bullying da escola dele poderá usar essa mesma foto para infernizar seu filho daqui a dez anos. Então, quando em dúvida: Não Publique!

Proteger seu Filho na Internet

Se for Errado ao Vivo é Errado On-line 

Essa também é uma das melhores regras que já li em relação ao assunto. Nunca faça nada on-line que você não faria ao vivo e na frente de todos. Você xingaria um amiguinho na cara dele?  Não? Portanto não faça on-line. Você tiraria a roupa na frente da sua classe? Não. Então não mande fotos pelada on-line. Você teria coragem de ir na frente da escola inteira e dizer o que você está dizendo no youtube? Não. Então, não o faça e assim por diante…

Coloque-se no Lugar do Outro

Na vida real ou na realidade virtual essa regra vale. Se você não gostaria que fizessem com você não faça com os outros. Simples e verdadeira.

Se for Fazer Escondido, Não Faça

Isso vale também para para qualquer coisa. Este na realidade é um conselho que me deram quando eu era pequena e eu nunca esqueci. Toda vez que ficava na dúvida do que era certo ou errado (afinal, existem muitos tons de cinza, principalmente quando você é adolescente ou criança) eu pensava se eu contaria o que estou fazendo para a minha mãe. Se a resposta era não, eu parava na mesma hora.

Proteger seu Filho na Internet

Veja com Ele

Assinta o conteúdo que seu filho vê junto com ele: filmes, séries, buscas, youtube ou qualquer coisa assim. O importante e você estar por dentro do que ele aprende, assiste e quais são seus interesses. Quando mais você souber, mais fácil você poderá o entender e mais fácil você poderá orientá-lo.

Explique as Consequências da Exposição

Nem Jesus agradou a todos. Então seu filho precisa entender que ele também não agradará. Seja um video, um post, uma foto ou qualquer coisa que o exponha ao mundo ele precisa estar ciente e pronto para receber as críticas e os elogios que pode a vir a receber. Se não quiser, não poste…

lancheira perfeita

Espione, sim

Da mesma forma que as mães de antigamente liam o diário de suas filhas. O histórico da internet pode ser algo interessante de manter sob o seu radar. Seus aplicativos, agenda e conversas… esse assunto pode ser polêmico mas cabe a cada uma julgar seu caso e seu relacionamento com o seu filho ou filha. Mas que a possibilidade existe, existe.

Use a Internet ao Seu Favor

Aplicativos de localização que permitem que você sempre esteja de olho no seu filho. Aplicativos de acesso remoto para acessar o laptop do seu filho de qualquer lugar. Aplicativos de bloqueio caso seu filho não atenda sua ligações etc… As opções são inúmeras, veja o que serve para você e use-as.

Proteger seu Filho na Internet

Converse

Eu acho que a maioria dos problemas do mundo poderiam ser evitados com uma conversa franca. Ou seja, quanto mais você colocar os assuntos em pauta na sua casa mais claro estarão os perigos, as vantagens e maiores as chances do seu filho falar com você quando em dúvida. Por isso em casa nada é taboo e a internet menos ainda…

Dê Exemplo

Mostre o que pode acontecer com casos já ocorridos. Explique as consequências de tudo que ele fizer on-line. As crianças ás vezes fazem coisas por não saber as consequências ou por qualquer motivo bobo. Então, dê exemplos para deixar claro que coisas ruins podem acontecer quando a internet é usada de forma errada.

Ensine Respeito e Educação

A internet facilita muito para que as pessoas desrespeitem os outros. A proteção fictícia da tela da uma coragem e uma ousadia extraordinária ao seu usuário. Afinal, tudo que você está fazendo é em outro mundo, não é? Não! Se você faltar com respeito, assediar ou importunar alguém pela internet ou Whatsapp você esta fazendo isso para outra pessoa. Uma pessoa de verdade no mundo real. Isso é um fato que deve ficar claro. Se seu filho for educado ele deve ser educado sempre. Então ensine a etiqueta de aparelhos eletrônicos. Como por exemplo: como chamar alguém on-line, como mandar um email e os horários adequados. Isso influenciará até na sua vida profissional, assim como saber comer de forma correta em um jantar formal.

Proteger seu Filho na Internet

Proíba Durante a Noite

Para garantir um sono tranquilo aparelhos eletrônicos devem dormir fora do quarto. Uma boa dica é montar uma estação de carregamento na sala. Assim no fim do dia todos colocam seus aparelhos para carregar e problema resolvido. Aliás, o que vale para eles vale para você também, tá?

Coloque o Computador na Sala

Uma boa forma de manter um olho no que seu filho está fazendo on-line é manter seu computador na sala. Apesar dessa dica, pra mim, não ser das mais úteis já que 95% dos acessos ao meu site atualmente são feitos de celulares, por exemplo. Ou seja, eu acho que essa dica valia para antigamente quando os celulares não eram tão avançados, cada casa só tinha um computador e as LAN-houses não haviam se proliferado ainda.

Bom é isso mamães, espero que tenham gostado dessas dicas tanto quanto eu gostei. Se tiverem mais algumas, comentem aqui embaixo, ok?

Beijos e até a próxima

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *