Existem algumas coisas que a gente só aprende com a experiência. Então, veja abaixo o que eu aprendi escolhendo o carrinho de bebê do Thomas e não cometa os erros que eu cometi.

Um dos mais importantes companheiros de uma mãe é o carrinho de bebê. Não adianta, é um trambolho mas não tem coisa mais útil e que você vai usar por mais tempo. Ele vai ser seus braços, quando você estiver cansada, a cama do seu filho em mais de uma situação e seu carregador oficial de sacolas, bolsas e etc…
É algo que você tem que pensar bem, pois é uma das coisas mais caras do seu enxoval e se você errar na compra, esse será um erro com o qual você terá que conviver por pelo menos uns três ou quatro anos. Ou seja, escolher o carrinho de bebê do seu filhos é como escolher um carro mesmo.
Por isso cuidado e pesquisa, são algo mais do que necessário na escolha.
Hoje, vou pontuar os erros que cometi e as características para as quais você deve ficar atenta:

carrinho de bebê

1. Não Vá na Onda

Se existe um erro que eu cometi e do qual me arrependo muito, é esse. Na época que eu fui comprar o meu carrinho de bebê a “sensação de carrinhos do momento” era um enorme, não ficava nada compacto, era complicado e extremamente pesado. Mas era lindo… Tinha de várias cores e você ainda podia trocar o foro!
Minha intuição berrava, me dizendo que eu estava cometendo um erro e para piorar a minha teimosia, vi quando uma mãe com o mesmo carrinho de bebê, precisou de ajuda e mesmo assim teve que ir e voltar três vezes para carregar bebê e o carrinho no carro. Mas eu estava cega, queria o que todo mundo me falava que era incrível, lindo e maravilhoso!
Bom comprei o carrinho de bebê da moda!
Resultado: Porta-mala lotado, ombros doloridos, uma gasto adicional com um carrinho novo e o da moda está no deposito…

Veja também: Tudo Que Você Precisa Fazer no Seu Segundo Trimestre de Gravidez

2. Repare nas Especificações do Carrinho

Ele é aprovado pelo controla de qualidade? Quanto ele pesa? Até qual peso o carrinho de bebê suporta?
Você precisa de um carrinho de qualidade e que vá durar até pelo menos os 4 anos do seu filho. Um carrinho que o freio não solte (Deus me perdoe o susto!), que não vá te deixar na mão e que suporte vários terrenos. Por isso leia sim, as especificações, para depois você não ter que comprar outro e ter um gasto a mais.

[Looklink – Widget Vitrine #4428 – BEGIN …

Bolsa Sol Sal Mar - Bege - Salinas
Saia Rio - Preto - Isolda
Vestido Tricot Laces - Branco - 284.
Vestido Vazado Jardim Luau - Preto - Farm
Óculos De Sol 'rb4237' - Ray-Ban
Vestido Manga Nova Jandaia - Marrom - Farm
Biquíni Modelo Tomara Que Caia Estampado - 3:am
Top Com Tiras Metálicas - 3:am
Vestido Trançado Coruxi - Azul - Farm
Vestido Algodão Tavi - Laranja - Animale
Mochila Com Zíper - Joshua Sanders
Calça Jeans - Lacoste
Camiseta Mangas Curtas - Vivetta Kids
Bolsa Tiracolo - Olympia Le-Tan
Top Com Tiras Metálicas - 3:am
Sutiã De Biquíni Estampado - Duskii
Biquíni Modelo Cortininha Estampado - 3:am
Camiseta Slim - Lacoste

… END]

3. Capa de Chuva

O meu carrinho de bebê vem com uma capa plástica que você prende em pontos em volta dele e tcham: UMA ESTUFA! É quente lá dentro, fato, mas protege da chuva. Para momentos em um zoológico e chuvas de verão homéricas, é a solução. Mesmo você ficando encharcada, seu bebê estará protegido. É algo necessário de se ter. Prefira uma que dobre e fique bem compacta, já que ela sempre terá que ficar no carrinho, nesse tempo doido.

carrinho de bebê

4. Escolha um Carrinho de Bebê para seu Tipo de Vida

Carrinho de corrida, carrinho de areia, neve, rua, leve, forte e etc… As opções são infinitas e todas servem para a mãe certa. Depende de você. Por exemplo: você gosta de correr com o seu bebê? Então, você vai precisar de um carrinho de bebê mais estruturado que não ofereça qualquer risco a criança quando você corre.
Você gosta de ir a praia? Prefira um carrinho de bebê que possa andar na areia. Ou seja, determine que tipos de piso seu carrinho precisa enfrentar e quais os passeios mais prováveis que você fará com seu filho.

5. Espaço Disponível

Você tem um carro pequeno? Prefira um carrinho de bebê mais compacto. Se eu carro é grande você pode ter um carrinho de bebê mais estruturado e ainda carregar o supermercado, ótimo! De novo depende do seu estilo de vida.
Mas pense na sua casa também. Um exemplo: Meu carrinho da moda era tão grande, que tive que tirar a mesa da porta de entrada do meu apartamento, para que ele pudesse passar, que tal?
Pior foi minha amiga que comprou o mesmo carrinho, mas ele não cabia no elevador do seu prédio. Olha que demais!
Não cometa o mesmo erro! O carrinho de bebê terá que ficar na sua casa e de preferência aberto já que o trabalho de abrir e fechar na hora que você finalmente, conseguiu juntar tudo para sair é desnecessário. Ele também vai ajudar sua vida se você puder movê-lo livremente pela casa, assim você pode levar seu filho com você no decorrer do seu dia.
A noite, também é importante se o carrinho de bebê caiba no seu quarto do lado da cama. Assim seu filho dorme nele enquanto você estiver amamentando e você poupa o gasto de uma caminha extra.

carrinho de bebê

6. Relação Força e Peso

OK, seu carro é enorme e seu apê também. Parabéns! Vamos com o carrinho enorme. Só um detalhe: você consegue levantar esse carrinho de bebê sozinha? Pôr e tirar do porta malas 5 vezes ao dia? Se você for naturalmente forte, lindo! Em algum momento você vai estar cansada mas, ok, ainda dá. E se você não for?
“A Bianca mas eu tenho marido para isso””- E quando ele não estiver? Vocês nasceram colados?
“A alguém me ajuda”. Pense que todas as vezes que sair, você terá que ficar contando com a colaboração de algum manobrista, taxista, ou bom samaritano para te ajudar. Vale a pena?

7. Praticidade

O carrinho de bebê é fácil de abrir e fechar? Você consegue fazer com uma mão só? Novamente, impreterivelmente, você passará pela situação em que estará com o seu lindo bebê no colo e um carrinho fechado que precisa ser aberto ou um carrinho aberto que precisa ser fechado e colocado no porta malas. E ai? Você consegue?
Teste, essa é a melhor dica que eu dou. Pegue uma boneca na loja e tente abrir e fechar o carrinho com uma mão só. Se você conseguir com o seu preferido, parabéns! Você acho seu carrinho ideal!

carrinho de bebê

8. Conforto da criança

Nessa categoria, todos os carrinhos de bebê são meio parecidos, tirando os carrinhos que são uma caminha (foto aqui em cima), maravilhosos para seu filho dormir no seu quarto com você ou andando na rua. Esse na verdade nem é um carrinho de bebê, tá mais para um berço móvel. Eu diria que essa é um ótimo carrinho para se ter se você puder pegar emprestado de alguém, alugar ou se você não se importar de usar por um curtíssimo período de tempo. Esse período é mais ou menos 6 meses. Já que depois disso nem confortável para seu bebezinho esses carrinhos são mais.
Aí, os sentados, são todos são meios parecidos, só tenha certeza de que:

  • O Cinto de segurança é de vários pontos
  • Tenha regulagens, para que seu filho continue confortável conforme for crescendo
  • Não tenha nada que machuque no encosto, como um cano duro
  • Que ele deite bastante, assim seu filho pode dormir enquanto você está fora de casa

carrinho de bebê

9. EXTRA: Bebê Conforto

O bebê conforto é algo que pode substituir a caminha móvel. E tem suas praticidades: você pode deixar a base dentro do carro e só desengatar da base do carro e engatar na base do carrinho. Também ,é algo que você pode levar para todo lado, é pesado mas prático.
Por mais que seja algo que você usará por pouco tempo, já que assim que o bebê começa a crescer o bebê conforto no meu ver deixa de ser um conforto, é necessário você comprá-lo por causa do carro. Outro opção é pegar emprestado.

Bom mamães, é isso espero que tenha levantado alguns pontos que vocês ainda não tinham pensado e que isso evite sofrimentos ou gastos desnecessários no futuro.

Beijos e até a próxima.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *