O post de hoje foi um pedido especial da queria Bianca Arcangeli aqui do Mãe em Dia sobre como acabar com a guerra para colocar um bebê de mais de 2 anos para dormir. Geralmente as desculpas são sempre as mesmas: pedir água, conversar, ver mais um desenho, pedir para a mãe contar “só” mais uma historinha, vontade de ir ao banheiro (depois de já ter ido), calor, frio, etc. Qualquer desculpa vale para não dormir.

Mas o que fazer?

Vou listar aqui algumas atitudes que podem melhorar muito a forma de colocar estas ferinhas para dormir, sem precisar brigar ou ficar nervosa com seu filho na hora do sono.

  • Comece com uma cartolina. Vá até uma papelaria com seu filho e compre uma cartolina e fita adesiva. Chegando em casa, explique para seu bebê que ali vai ser desenhada a nova rotina da noite. Tudo que deve ser feito antes de dormir. Divida a cartolina em quadrados e vá colocando as coisas exatamente na ordem que elas devem acontecer. Por exemplo: jantar, banho, troca, limpeza dos dentes, xixi, ir para a cama, 1 história (coloque sempre a quantidade!), apagar as luzes, oração com a mamãe e hora de dormir.

mae_brigando_na_cama

  • A partir do momento que a cartolina vai para a parede do quarto do seu bebê, siga as regras por pelo menos duas semanas com bastante rigidez. Quando seu filho começar a pedir coisas ou chorar, explique as novas regras com tranquilidade e siga. Não quebre as regras com mais uma história ou mais uma oração. Se mantenha firme pois um dia apenas que você ficar mais flexível, seu filho vai perceber que a insistência dele dará um resultado diferente (exatamente como ele quer).
  • Coloque uma recompensa. Depois de 30 dias seguindo a rotina, sem choro, seu filho vai ganhar um presente. Escolha o presente com ele e guarde em casa. Nunca dê antes do tempo, assim você conseguirá criar uma nova forma de dormir antes de presentear seu filho.
  • Insira um ou mude o objeto de transição. Como o nome diz, muitas vezes a companhia que seu filho tem para dormir não é mais agradável como antes. Nesta fase, as naninhas com carinhas são bastante atraentes e podem ajudar no sono do seu filho.

Veja também: Os Bebês e Seus Signos!

rude_boy_tired_father

  • Veja se seu bebê não está dormindo demais (ou de menos) durante o dia. Muitas vezes seu filho não está preparado para dormir no horário que é ideal para a família por causa do sono diurno. Nesta fase, uma soneca (de no máximo 90 minutos) no meio do dia deve ser suficiente para ele.
  • Reveja os hábitos alimentares. Alguns alimentos ajudam muito o sono, enquanto outros atrapalham. Uma boa dica é usar grãos integrais no jantar e de sobremesa oferecer uma banana. Estes alimentos contém triptofano que é um aminoácido que ajuda bastante no sono. Outros alimentos que tem esta substância: aveia, abacate e sementes.

birra_na_sono_relogio

  • Alguns bebês nesta idade ficam mais seguros quando tem uma luz acesa. Apesar do melhor ambiente para uma criança dormir ser no escuro total, a partir dos 2 anos os medos podem aparecer. Deixe uma luz fraca de tomada ou um abajur perto do seu filho e explique que ele pode acender ou mesmo deixar ligado o tempo todo se ele se sentir melhor.
  • Negocie um dia por semana para vocês dormirem juntos. Pode ser no quarto dele, ou na cama dos pais, vai ser um dia diferente, se seu bebê obedecer a rotina o resto da semana.

Como tudo referente ao sono do bebê, seu filho vai precisar de muita consistência para respeitar as novas regras, principalmente depois dos 2 anos, onde os bebês querem chamar atenção e serem donos da situação e mandar em tudo e todos da família, por isso, especialmente logo que as regras forem implementadas, não pode haver exceção, ou estas “escapadas” na rotina se tornarão frequentes e os protestos também.

Veja outros posts da Michele aqui!

Michele Melão

Michele Melão é Consultora de Sono Infantil e Baby Planner certificada pela International Academy of Baby Planner Professionals (IABPP) e International Maternity and Parenting Institute (IMPI), na Califórnia. É mãe e sócia da Maternity Coach (http://www.maternitycoach.com.br), uma consultoria especializada em diversos serviços para gestantes e bebês.

Contato: michelemelao@maternitycoach.com.br

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *