Muitas crianças roem as unhas! Veja por que e como fazê-las para com esse habito, feio e que irão deixa-las com as mãos machucadas.

Eu sempre roí a unha, desde pequena. Minha mãe me chamava a atenção, mas eu logo voltava a roer escondido. Era mais forte do que eu… Hoje, consegui melhorar muito, mas se eu fico sem fazer a mão lá vou eu de novo. O Thomas, de uns tempos pra cá, começou a me mostrar o dedo e a dizer: “Dodói mamãe” e toda vez, tinha uma pelinha levantada. No começo, achei que era só coincidência, mas depois, vi que não. Ele estava começando a roer as unhas… Pânico!

 

Nem sabia que era possível um bebê dessa idade ( anos e 4 meses) roer as unhas. Então fui atrás para descobrir mais …

Os motivos pelo qual eles podem roer as unhas:

  • Ansiedade
  • Hábito
  • Tédio
  • Curiosidade
  • Mudança de rotina
  • Por causa do exemplo (por ver os pais ou algum cuidador roendo)

menino_roendo_unhaA Solução (para crianças pequenas ou bebezinhos):

Roer as unhas são hábitos comparados a: chupar ou colocar o dedo no nariz, chupetas e puxar ou rodar o cabelo. Nossa primeira reação, é repreendê-los ou fazê-los parar. Porém, esse hábito, pode estar acontecendo sem mesmo que eles percebam… Repreendê-los pode fazer com que eles percebam e acabem fazendo até por birra, dependendo da fase em que eles estiverem… Por isso, controle-se e tente tomar as atitudes citadas a baixo:

  • Cubra os dedos com Band-Aid. Existem milhões de opções coloridas e divertidas que podem proteger os dedinhos deles e ainda virar uma diversão.
  • Ocupe suas mãos. Use um brinquedo, tinta e papel ou qualquer coisa que os distraia e tire a atenção dos dedinhos. Perceba também, se ele só rói a unha em algum momento específico. Como quando vê TV ou anda de carro. Se esse for o caso, já se antecipe e dê uma bolinha de apertar ou um brinquedo qualquer  sempre que ele sentar na frente da televisão ou entrar no carro.
  • Não faça nada e espere. Tirando as duas coisas acima, o melhor que se tem a fazer é esperar e deixar que essa fase passe sozinha. A maioria das crianças param com o tempo, por um motivo ou outro.

Sempre vale lembrar que você é o exemplo do seu filho. Então se você rói a unha, ele também tende a roer, simplesmente para imitar você. Portanto, pare! Ou pelo menos, pare de roer na frente do seu pituco ou pituca.

Veja também: 16 Dicas Para Ajudar a Voltar ao Trabalho Depois da Licença Maternidade

A Solução (para crianças de 5 ou mais):

Quando as crianças já tem consciência e querem parar a solução já toma uma forma mais ativa.

  • Lembre-os de tirar a mão da boca gentilmente. Não os repreenda ou brigue. Não faz bem para a auto-estima das crianças. Ainda mais, por que eles próprios querem parar com o hábito.
  • Passe esmalte com gosto ruim. Essa é uma opção que ajuda, porém é mais para fazê-los notar que estão roendo as unhas. Cabe a eles tirarem a mão da boca.
  • Crie objetivos. Primeiro 24 horas sem roer, depois 48, depois 72 e assim por diante. De recompensa, leve sua filha para fazer a mão e seu filho no para jogar bola, por exemplo. Isso os motiva e mantém um objetivo claro na cabeça deles. Vale até fazer uma cartolina de vitórias e sempre lembrar de comemorar todas, por menores que sejam.
  • Mantenha-os com a mão bonita e feita. Se a mão deles estiver pegando, com petinhas levantas e com unhas mal feitas a chance deles roerem é muito maior. Essa ferramenta, funciona particularmente bem nas meninas, que pela vaidade não querem estragar uma mão linda. Pinte de cores diferentes e transforme isso em um programa de mãe e filha. Digo isso, por que sou prova viva de que dá certo,depois de 15 anos com o hábito, foi assim, que eu mesmo parei de roer a unha. Bom, pelo menos enquanto ela está linda e feita  😉

baby_girl_biting_nails

Quando você deve se preocupar:

O hábito de roer a unha, é mais um problema estético do que de saúde. Porém, se seu filho começar a roer as unhas até sangrar, puxar cabelos ou cílios, se coçar até machucar ou a cutuca feridas, está na hora de ver um médico. Pois ele pode estar sofrendo de um transtorno de ansiedade sério.

Inscreva-se já no Canal

Espero ter ajudado e bom fim de dia para vocês!

Fonte: She KnowsBaby Center; Today’s Parent

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *