Cuidar de crianças pequenas, é uma coisa que acaba vindo naturalmente para todas as mães. A gente alimenta, troca a fralda, acalma eles quando estão nervosos e dá um abraço na hora que eles se assustam ou estão inseguros. Porém, conforme eles crescem, a postura deles se torna mais independente, mais calma e, infelizmente, mais isolada. A mãe que está acostumada com aquela criança agitada e que precisa dela a todo, fica um pouco perdida. Eis que nós descobrimos 5 coisas que todo menino adolescente espera de sua mãe nessa nova fase de sua vida.

filho_adolescente_virando_olho_para_mae

1. Eles nos querem presente, porém sem falar o tempo todo. 

Pode perceber, toda vez que a mãe começa a falar muito, dando conselho ou contando alguma coisa, o adolescente meio que desliga. Isso é normal para meninos!

Um menino adolescente só é capaz de escutar de cinco a dez palavras por vez. Depois disso, ele desliga. Então, comunique o que você quer falar em uma ou duas frases curtasDra. Laura Schlessinger

Quando seu filho falar ESCUTE! Serão momentos raros. Mas não leve para o lado pessoal, esse é só o jeito que eles são.  Quando, o momento surgir, e eles quiserem conversar, a dica é: Pare o que estiver fazendo e converse! A comunicação é uma ótima forma de manter um relacionamento entre mãe e filho.

meninos_adolescente_grupo_slider

2. Eles querem ser bobos, e querem que você deixe.

Piadas de bum e arrotos, são algo que nenhuma mãe aguenta por muito tempo. Porém, eu tenho uma notícia não muito boa: esse comportamento imaturo é algo normal e esperado. Inclusive, por que muito dos homens adultos, também gostam de fazer piadas bobas. Portanto, paciência, deixem os meninos com suas piadas bobas e não brigue por tudo.

3. Eles querem ter regras, mas querem participar delas. 

A ideia aqui é perguntar sempre o que eles fariam, caso seus filhos fizessem algo errado. Impor limites, na adolescência é necessário. Porém, é importante discutir com o adolescente as regras impostas, conversar, ouvir a opinião dele e decidir o que você quer fazer. Claro, que vocês nem sempre irão concordar, mas envolvê-lo no processo e alinhar as expectativas trará resultados bons e deixará a comunicação entre pais e filhos aberta.

mae_dois_filho_praia

4. Eles querem carinho e amor, mesmo fingindo que não.

Esse item é meio complicado, já que cada um de nós demostra amor de uma forma diferente. E cada um de nós, entende o amor de uma forma diferente. Eu, por exemplo, demostro amor beijando e abraçando meu pituco, como se não houvesse amanhã (hoje, ele ainda não consegue fugir de mim. Ha!). Porém, no futuro ele pode entender o amor de uma forma diferente. Existem crianças que se sentem mais amadas quando você diz que está orgulhoso, outras quando você vai assistir um jogo de futebol deles ou até quando você faz o prato preferido deles no jantar. Depende de cada um, cabe a mãe amá-los da forma que os faça se sentir, mais especial. De qualquer, forma não caia no jogo deles, eles não são muito crescidos para esse tipo de coisa.

mae_filho_nas_costas

5. Eles querem nosso apoio. 

No fim eles esperam que os pais ajudem eles com seus hobbies e esportes. E que suas mães o apõem em tudo que eles fizerem. Portanto, o truque é apoia-los sem falar muito, amando-os demais, sempre os envolvendo nas decisões e sem virar os olhos de suas piadas bobas de arroto. Ha!

O desafio está lançado! Boa semana mamães.

E aí você concorda? Deixe seu comentário aqui ↓↓↓↓↓

Fonte: Living Locurto

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 Comentários:
  1. Valmira Diniz disse:

    Gostei muito. Estou vivendo esta fase com meu filho 14 /15 , e como é difícil . Sempre acha que falo muito. Mas só quero educar, que seja disciplinado, educado, respeitoso e agradável.

  2. Marciasantos disse:

    Complicado ainda mais quando está com 16 anos está namorando e começa teimar ou responder eu fico muito triste.ainda mais cendo mãe solteira .mas no final tudo dá certo.

  3. Valéria de Sousa Barbosa. disse:

    Que bom. Poder compartilhar dos momentos do crescimento .

  4. Mércia disse:

    Muito bom! Esclareceu as vezes que tento dialogar e ele desliga.

  5. Sidy disse:

    Amei…achei q ele não me suportava pois é rara as vezes q vejo diálogo entre nós afinal ele na maioria das vezes so respondi oque pergunto que alivio…

  6. Evania Ferreira disse:

    Explica bem o fato de muitas vezes você fica sem saber o que fazer ou falar com seus filhos gostei